blogspot visitor counter
Biblioteca Municipal de Grândola
Biblioteca Municipal de Grândola
Rua Dr. José Pereira Barradas 7570-281 Grândola tlf:269450080 fax:269498666 biblioteca@cm-grandola.pt
quinta-feira, 30 de junho de 2016
Animação de Verão * 2016 - Contos com música
 
 
Jardim 1º de Maio
 
2 de Julho - 11H00

Etiquetas: , , , ,

Filme da Semana
 
 
O Barão
 
um filme de
 
Edgar Pêra
 
 
   "Baseado na novela homónima de Branquinho da Fonseca e no conto “O Involuntário”, do mesmo autor, “O Barão” retrata a vida de um barão, ditador e caciquista, arrogante e controlador, misógino e cruel, uma personagem draculesca raramente vista no cinema português."
 
Elenco:
Nuno Melo
Marcos Barbosa
Leonor Keil
Marina Albuquerque
Paula Só
Vítor Correia
Miguel Sermão
Jorge Prendas
Rogério Rosa


Etiquetas: ,

quarta-feira, 29 de junho de 2016
Biblioteca Itinerante - Horário e Percurso - Julho
Oficina de Comunicação - Vivam as Férias * Verão 2016
No âmbito do programa "Vivam as Férias - Verão 2016" , a Biblioteca Municipal dinamizou a Oficina de Comunicação, em parceria com a Rádio Clube de Grândola. Esta atividade, que contou com a participação de 8 jovens, pretendeu despertar o gosto pelo jornalismo radiofónico, proporcionando aos participantes a possibilidade de gravar um programa de rádio, designado Biblioteca na Rádio, com notícias da vila, sugestões de leitura de livros e filmes para as férias, música e humor, que será transmitido em data a anunciar.
 
 










Etiquetas: , ,

Livro da Semana
 
Combater duas vezes: mulheres na luta armada em Angola
 
de
 
Margarida Paredes
 
 
   "A história contemporânea de Angola é inseparável das guerras e conflitos que duraram entre 1961 e 2002, incluindo as Lutas de Libertação nacional e a Guerra Civil após a independência. Um dos aspetos mais marcantes destas guerras foi a participação das mulheres como combatentes.
   Num contexto social de dominação masculina, esta participação nem sempre significou, para estas mulheres, maior visibilidade, e a verdade é que, depois das guerras, muitas foram esquecidas. No entanto, não há como negar que a participação das mulheres na Luta Armada reforçou a luta pela emancipação feminina e igualdade de género, já que elas assumiram papéis que lhes estavam interditos anteriormente.
   Num trabalho que resulta da sua tese de doutoramento em Antropologia, Margarida Paredes cria um arquivo de memórias no feminino sobre crimes coloniais, resistência anticolonial, Luta de Libertação e Guerra Civil, bem como sobre conflitos internos, como o 27 de Maio de 1977, onde realça o comando do Destacamento Feminino das FAPLA na sublevação militar e a repressão que vitimou as comandantes após a revolta.
 
   «Resgatar um palimpsesto de memórias de guerra é recuperar uma multiplicidade de passados e percursos de vida que, se por um lado foram de violência, sofrimento, humilhação, traumas, perdas, rancor e tragédia, também foram de resistência, luta, criatividade, inovação, superação, paixão, amor, solidariedade e esperança.»
 
   MARAGRIDA PEREDES é natural do Penedo da Saudade, em Coimbra. Em 1974, abandonou o curso universitário na Bélgica para lutar pela independência de Angola ao lado do MPLA, movimento a que aderiu em 1973. Passou por Brazzaville e foi uma das primeiras militantes vindas do Congo a entrar em Luanda após o 25 de Abril de 1974.
   Depois da independência abandonou o exército angolano para trabalhar no Conselho Nacional de Cultura com o poeta António Jacinto. Aí desenvolveu projetos na área dos espetáculos e artes plásticas, trabalhando com «crianças-soldado» e órfãos de guerra. Regressou a Portugal em 1981.
   Licenciada em Estudos Africanos pela Faculdade de Letras de Lisboa, obteve o grau de Doutora em Antropologia pelo ISCTE-IUL com o tema «Mulheres na Luta Armada em Angola». No pós-doutoramento, trabalhou o tema «Mulheres Afrodescendentes da Polícia Militar em Salvador». É investigadora e professora na Universidade da Bahia, Salvador, Brasil. Desenvolve uma linha de pesquisa sobre Masculinidades Femininas no Campo Militar."   

Etiquetas:

terça-feira, 28 de junho de 2016
Animação de Verão * 2016
 
Jardim 1º de Maio
 
Durante o mês de Julho
 
Quintas (22H00) e Sábados (11H00)

Etiquetas: , , , , ,

Arraial - Desfile da Marcha de Alcântara
 

PLATÃO
  
il. de Susa Monteiro
 
"PLATÃO sempre achou o céu demasiado pequeno para os seus pensamentos. E, dizem, Deus teve de se baixar para caber dentro dele. E, dizem, Deus, ao perceber o tamanho desses pensamentos, fez as malas e mudou-se do Céu para dentro deles. Eram realmente espaçosos."
 
Afonso Cruz, in "As reencarnações de Pitágoras"
segunda-feira, 27 de junho de 2016
Cartaz de Cinema - Julho

Etiquetas: ,

Novidades Livros
 
SCAHILL, Jeremy
Guerras Sujas
327 SCH
 

 
CABOT, Meg
O diário de uma princesa improvável
82 LE-3 CBT (Juv)
 

 
ROBERTS, David
Dinossauro!
82 LE-34 RBR (Inf)

Etiquetas:

quarta-feira, 22 de junho de 2016
Sábados com o Centro Ciência Viva do Lousal * 25 de junho * 11 horas


Etiquetas: ,

Inauguração da Exposição Coletiva de Pintura

No passado dia 18 de junho, foi inaugurada a Exposição Colectiva de Pintura da ARTES - Associação Cultural do Seixal, na Biblioteca Municipal de Grândola. A Exposição apresenta trabalhos de 28 artistas da ARTES, associação que reúne artistas ligados a diversas áreas da estética e da composição artística e poderá ser visitada até ao próximo dia 16 de julho.






Etiquetas: , , ,

Apresentação do livro «A Bicicleta do Ourives Ambulante», de Silvério Manata

A Biblioteca Municipal de Grândola recebeu na sexta-feira, dia 17, a sessão de apresentação do livro “A Bicicleta do Ourives Ambulante”,de Silvério Manata, vencedor do prémio literário João Gaspar Simões 2015, atribuído pela Câmara Municipal da Figueira da Foz.






Etiquetas:

quinta-feira, 16 de junho de 2016
Inauguração da Exposição Coletiva de Pintura * 18 junho
Apresentação do livro «A Bicicleta do Ourives Ambulante», de Silvério Manata
quinta-feira, 9 de junho de 2016
Bom Fim de Semana
Luís Vaz de Camões, por Mário Botas


 
Bom Fim de Semana

Etiquetas:

Poema da Semana
A Luis de Camões

Sem lástima e sem ira o tempo vela
As heróicas espadas. Pobre e triste
Em tua pátria nostálgica te viste,
Oh capitão, para enterrar-te nela

E com ela. No mágico deserto
A flor de Portugal tinha perdido
E o áspero espanhol, antes vencido,
Ameaçava o seu costado aberto.

Quero saber se aquém dessa ribeira
Última compreendeste humildemente
Que tudo o que se foi, o Ocidente

E o Oriente, a espada e a bandeira,
Perduraria (alheio a toda a humana
Mudança) na tua Eneida Lusitana.

Jorge Luis Borges

Etiquetas:

quarta-feira, 8 de junho de 2016
É uma vez... O pescador e o peixinho
 
 
Biblioteca Municipal de Grândola
 
11 de Junho - 11H00

Etiquetas: , , ,

Escolas de Natação de Verão * 2016 - Piscina Municipal de Grândola

Etiquetas: ,

Livro da Semana
 
 
O árabe do futuro
 
de
 
Riad Sattouf



Obra Vencedora do Prémio Melhor Álbum no Festival de BD de Angoulême 2015
 
   "Uma novela gráfica de cariz autobiográfico e alcance político em que, com um humor arrasador e uma grande sensibilidade, o autor conta a sua infância e juventude na Líbia do General Kadafi e na Síria de Hafez Al-Assad.
   A ideia desta obra – confessa o Autor – remonta aos começos da guerra civil na Síria, em março de 2011. A fusão da sua história pessoal com a História real do mundo árabe, ambas contadas através do olhar inocente da criança que ele é na narrativa, dá a este álbum uma importante dimensão sociológica e confirma que a autobiografia é um dos segmentos maiores da BD atual. Primeiro volume de uma anunciada trilogia, este título atingiu já em França o estatuto de bestseller, com mais de 220.000 exemplares vendidos desde o seu lançamento, em maio de 2014."


Etiquetas:

terça-feira, 7 de junho de 2016
O prazer de viver
   "É bom esquecermo-nos de nós próprios e não ligarmos ao que sentimos. Às vezes é melhor não pensar e só ler. Ou não fazer nada - e só assistir. É melhor não procurar - e só pertencer.
   A coisa mística é quase sempre uma questão de preguiça produtiva. É deixar de fazer o esforço de participar ou de concorrer para nos conseguirmos convencer, ludibriados com grande custo, que somos o centro do mundo.
   Não somos, porque não podemos ser. Nenhum de nós tem qualquer importância ou influência no mundo das coisas que importam ou influem.
   Perdemos muito tempo a não vivermos no mundo a que pertencemos. Perdemos muito tempo sem olhar para tudo o que existe à nossa volta. Querermos ser importantes e influentes não impressiona ou muda nada ou ninguém. Mas tira a cada um de nós o tempo e o prazer, já de si poucos, de viver.
   A sabedoria é um engano diferente dos outros: ensina-nos a ter a certeza que estamos (e somos, fundamentalmente) enganados. Mas não é por haver outros que estão ainda mais enganados, ou, Deus nos livre, por haver outros que têm razão. É porque a verdade é mesmo assim: não existe. O que existe é a avaliação da qualidade dos erros. Uns são heróicos mas estúpidos. Outros são cobardes mas convincentes. O erro mais humano é achar que um ser humano é capaz, com muito esforço e muita inteligência, de se aproximar de uma verdade que é verdadeira para todos; quase todos ou, simplesmente, para uma triste maioria.
   Nascer é um bom começo. O resto é discutível."
 
Miguel Esteves Cardosoin Público (28/05/16)

Etiquetas:

segunda-feira, 6 de junho de 2016
Bora lá Bulir * 2016
 
 
Inscrições:
 
de 3 a 16 de Junho
 
no Estúdio Jovem

Etiquetas: ,

Vivam as Férias * Verão 2016 - Biblioteca Municipal
Exposição "Somos solução" - Brigada do Mar
 
Biblioteca Municipal de Grândola
 
6 de Junho - a partir das 15H00
 
A exposição estrará na Biblioteca até dia 14 de Junho

Etiquetas: , ,

Novidades Livros
 
ARNOLD, David
Viagem à procura de mim
82 LE-3 RNL
 

 
DORÇING KINDRESLEY
Onde fica no mundo
91(Juv)
 

 
LALLEMAND, Orianne
O lobo que descobriu o país dos contos
82 LE-34 LLL (Inf)

Etiquetas:

sexta-feira, 3 de junho de 2016
Bom Fim de Semana
Jorge de Sena (2/11/1919 - 4/6/1978), por Victor Couto



Bom Fim de Semana

Etiquetas:

Poema da Semana
Da vida... não fales nela

Da vida... não fales nela,
quando o ritmo pressentes.
Não fales nela que a mentes.

Se os teus olhos se demoram
em coisas que nada são,
se os pensamentos se enfloram
em torno delas e não
em torno de não saber
da vida... Não fales nela.

Quanto saibas de viver
nesse olhar se te congela.
E só a dança é que dança,
quando o ritmo pressentes.

Se, firme, o ritmo avança,
é dócil a vida, e mansa...
Não fales nela, que a mentes.

Jorge de Sena, in "Pedra Filosofal"

Etiquetas:

quinta-feira, 2 de junho de 2016
Vivam as Férias * Verão 2016
 
 
Inscrições abertas a partir de 6 de Junho

Estúdio Jovem, Biblioteca Municipal e Casa Frayões Metello

Etiquetas: , , ,

Bora lá Bulir * 2016
 
 
Inscrições:
 
de 3 a 16 de Junho
 
no Estúdio Jovem

Etiquetas: ,

Filme da Semana
 
A viagem de Arlo
 
um filme de
 
Peter Sohn



   "Das mentes criativas da Disney - Pixar chega-nos uma divertida e comovente aventura sobre o poder de confrontar e ultrapassar os teus medos e descobrires o teu destino.
   A Viagem de Arlo questiona: e se o asteroide que para sempre mudou a vida na Terra falhasse por completo o planeta fazendo com que os dinossauros nunca fossem extintos? Nesta épica viagem ao mundo dos dinossauros, um apatosaurus de nome Arlo faz um improvável amigo humano, Spot, e com ele inicia uma jornada, nem sempre simples, onde aprende o poder de confrontar os seus medos e com isso descobrir do que é realmente capaz.
   Uma história original repleta de humor, amor, ação e imaginação, perfeita para toda a família!"

Etiquetas: ,

Inauguração da Exposição "Somos Solução" - 6 de Junho 2016
 
 
Biblioteca Municipal de Grândola

6 de Junho
(a partir das 15H00)
 
 
A exposição estará patente ao público, na Biblioteca Municipal, até 14 de Junho

Etiquetas: ,